20fev

Flash/Gold Tattoo!!!

 

capacaroltattoo

Oiiiii gente!! Tudo bem com vocês?! Tô vindo aqui falar de uma coisa que eu tava querendo desde que eu vi na Beyoncé! Para mim, quem “lançou” essa moda foi ela, eu nunca tinha visto antes!

E isso tá uma FEBRE no Brasil, até a Ivete tem uma linha desses tatuagens! Já vi em vários sites (@GoldTattoos_BR e @GoldTatBrasil) mas nunca acabei comprando (achei uma por R$ 125,00 falindo) e nunca comprei!

(obs.: essas imagens sem tags foram todas achadas no google)

E eu estava procurando LOUCAMENTE! Eu já tinha achado aqui no Brasél mas uma cartela estava R$ 38! E sério, eu queria muito mas não dava não! Ai, eu fui viajar pro exterior e não achei! :/ e tchararam, descobri que tinha aqui na minha pequena cidade! Numa perfumaria nova chamada Chiquetê <3 e o melhor é que fui super barato R$ 14,00 outro nível né? E ai, andando por aqui achei em outro lugar chamado Exclusiva por R$ 10,00, acabei comprando nos dois lugares e duas cartelas que são bem diferentes uma das outras!

uhlalagoldtattoo

Como colocar:

uhlalacomofazer

Como remover:

Como eu estava na praia, elas já estavam saindo um pouco, e depois no banho saiu quase tudo, o que não saiu, eu utilizei alcóol e saiu bem facinho :)

Eu usei elas agora no carnaval, deixei as minhas favoritas pra colocar só no domingo! Vejam as fotos:

carolgoldtattouhlala

Eu usei essas no comecinho, fiz quinta feira e no sabádo eu já removi.

carolgoldtattouhlala2

 Já essas outras, eu coloquei domingo e exceto a do dedo elas estão todas aqui :O hahahaha, e olha que não foi falta de banho!

Se vocês forem pra praia/piscina tomar sol passem bastante protetor solar porque como elas imitam um objeto elas acabam deixando marquinhas também, e ai não é legal né?! Eu mesma fiquei com essas marcas e agora quero ver pra sair!

E por hoje é isso! Espero que vocês tenham gostado e que eu possa ter ajudado alguma coisa!

Até a próxima,

Acompanhe o blog nas redes socias:

Instagram Facebook Twitter Youtube

Se inscreva no canal do blog Uhlala =)

26dez

Metas para 2015

Uhlala26DeDez2

Começo dizendo que esse texto deveria ser curto. Mas, como vocês devem estar percebendo, não deu. Eu deveria saber disso antes mesmo de começar a escrever, afinal, já devia ter me acostumado com o fato de que não sei ser resumida. Para mim, escrever é tipo fazer um Miojo: era para ser só uma panela suja na pia, mas, de repente, já virou louça suja para duas semanas inteiras. Foi uma comparação ridícula, eu sei. Me desculpem por isso, o problema é que a essa altura da noite já não consegui pensar em nada mais poético.

Mas agora sim, depois dessa introdução meio maluca, acho que já posso começar a escrever de verdade.

Agora que o Natal já passou, 2014 já está chegando ao fim… É só mais um espirro e pronto, chegamos ao final de mais uma ano. Aliás, de mais um ano que voou diga-se de passagem; se continuar nesse passo, daqui a pouco, virei uma simpática senhorinha de 80 anos e longos cabelos brancos. Voltando ao assunto… com o final do ano, é claro, sempre acaba se passando aquele filme em nossa mente. Será que passei tempo suficiente com as pessoas que amo? Será que eu fiz tudo o que gostaria? Consegui realizar minhas metas do ano? E provavelmente a resposta para algumas (ou muitas) dessas perguntas será não.

A questão é que o tempo que passamos com quem amamos nunca terá sido o suficiente; é muito bom receber carinho, e, por isso, isso nunca será o bastante.

Quanto a realização de tudo aquilo que você gostaria, a resposta provavelmente também será não. Geralmente sempre acabamos colocando o trabalho na frente da diversão, e aí acaba não sobrando tempo o suficiente para realizar tudo. Mas felizmente dá para realizar algumas dessas coisas né, afinal, na vida devemos encontrar um equilíbrio; é preciso tempo para o trabalho, mas também é necessário dedicar um tempo a diversão e ao descanso.

E por último, com relação as metas, se você não tiver se imposto metas demais e tiver sido uma pessoa esforçada ao longo do ano, talvez você tenha conseguido realizar todas as suas. Eu realizei algumas; com a graça de Deus. E talvez eu pudesse ter realizado todas se fosse um tiquinho mais organizada… Aliás, ser mais organizada é uma das metas para o próximo ano, e dessa vez, espero que eu consiga cumpri-la realmente.

De qualquer maneira 2014 com certeza foi um ano maravilhoso e muitíssimo abençoado para mim! Me sinto cada vez mais próxima de Deus, e, consequentemente, mais próxima daqueles que amo. Com relação ao blog posso dizer que me considero cada vez mais realizada e apaixonada. Amo essa profissão e fico muito feliz em saber que ela tem se tornado cada vez mais respeitada. Aliás vocês sabiam que nesse ano de 2014 foi lançado uma graduação específica para ser blogueira! Siiiiiim, isso não é maravilhoso?! Esse com certeza é só mais um sinal de reconhecimento por tanto trabalho árduo e estar assistindo isso tão de perto me faz sentir muito orgulhosa. Ainda vou contar tudo isso para meus netos e eles irão rir de mim achando graça no fato de que muitos pensavam que ser blogueira não era uma “profissão de carteira assinada”.

Não, eu não me tornei uma blogueira famosa ou muito mais conhecida; mas sim, ganhei algumas novas seguidoras que me acompanham quase que diariamente por aqui. Eu ainda não sei muito bem como elas são, ou do que gostam exatamente, elas não costumam comentar muito (e eu sou meio lerdinha para responder tudo… essa é mais uma coisinha para ser melhorada no ano que vem!), mas eu agradeço por sempre estarem por aqui ouvindo meu blá blá blá todo. Nesse ano não ganhei milhares de press kits por conta do meu trabalho aqui. Aliás não ganhei nem milhares nem “milhinhos”. Mas nem por isso me sinto pior ou menos blogueira; e por mas que muita gente não acredite nisso, número de seguidores, inscritos e curtidas são minhas menores preocupações. É sério, estou falando isso de coração! Não vou ser hipócrita, é óbvio que olhar os gráficos e ver que as visualizações aumentaram é algo sensacional; nos vem uma sensação de reconhecimento por toda a trabalheira que dá manter um blog atualizado sempre. Porém, se houver uma meia dúzia de pessoinhas que leêm meus textos e posts de bom coração e gostam de mim; isso já me basta de uma maneira que não dá para colocar em palavras. Nem mesmo uma louca amante das palavras como eu conseguiria expressar uma coisa assim.

Para mim esse texto está sendo quase que uma espécie de oração escrita. Obviamente que Deus não acessa sites por aí (e nem Facebook como muitos devem imaginar), mas para mim a escrita é a melhor maneira pela qual consigo me expressar; e aqui, em forma de palavras, gostaria de agradecer a Deus por mais um ano tão incrível e abençoado. Sei que O Senhor me ouve e sério, só quero lhe agradecer por tudo isso. Agradecer por todas as pessoas que amo a minha volta, pela minha saúde, por toda a comida que tive em minha mesa (e pelos livros novos na minha estante). E por tudo mais, muito obrigada mesmo mesmo mesmo, O Senhor é perfeito!

Por último gostaria de deixar aqui registrado minhas metas de 2015 relacionadas ao blog e tenho fé que dessa vez serei uma pessoa mais rápida e organizada e conseguirei realizar todas!

  1. Trocar o layout do blog por um novo (que já está pronto e foi feito todinho por mim) mais profissional e mais a minha cara.
  2. Postar vídeos com mais frequência. Ideal mesmo seria postar vídeos pelo menos uma vez por semana (pois trabalho fora e não dá tempo para muito mais do que isso), porém isso não posso prometer com certeza absolutíssima.
  3. Escrever mais textos como esse. Sei lá, me faz bem.
  4. Melhorar meus instrumentos de trabalho; como por exemplo, preciso comprar uma iluminação profissional para gravar vídeos (até hoje não tenho, sempre utilizei a luz natural mesmo, porém, isso acaba limitando meus horários de gravação – já que só posso gravar durante o dia – e acaba limitando também meu cenário, já que acabo podendo apenas gravar de frente com a janela.
  5. Interagir mais com as leitoras. Sou meio que péssima nisso haha.
  6. Aprender a editar vídeos no Adobe Premiere. Há tempos que preciso melhorar minha edições, tanto aqui para o blog, quanto para o lugar em que trabalho.

Por enquanto é “só isso” que estou me lembrando, mas tudo bem, até alcançar tudo isso já tenho muito trabalho a fazer; e podem acreditar, mal posso esperar para começar.

Segue aqui um vídeozinho muito lindo que meu amor me mostrou (já te disse que te amo hoje amor? <3). Sim, sou uma romântica incurável haha… Assistam ao vídeo, é bem curtinho entretanto tem grades lições.

Muitos abraços 

e por hoje fim!

Acompanhe o blog nas redes socias:

Instagram Facebook Twitter Youtube

Se inscreva no canal do blog Uhlala =)

18dez

O Natal

Uhlala18DeDez2

Não sei bem há quanto tempo atrás comecei a gostar de Natal. Só sei que quando bem pequenininha, ou pelo menos desde que me lembro de mim mesma, já era apaixonada essa data. Para mim, Natal era mais especial que aniversário, e não havia nada melhor do que saber que o senhor papai Noel estava a caminho, trazendo consigo suas luzinhas brilhantes, árvores coloridas e muitos presentes legais. Aliás, acredito que esse era o principal motivo pelo qual eu era assim tão apaixonada pelo Natal; os presentes. Ah, e a comida também, é claro. Tender, “surrebifru” (conhecido pelas pessoas normais como salpicão), torta de Bis… Já mencionei a torta de Bis? Puxa vida, que coisa mais maravilhosa era (e ainda é) essa coisa de torta de Bis. Se essa torta não era um pedacinho de paraíso, simplesmente não conseguia imaginar o que seria. Para mim, a comida de Natal tinha mais sabor, não era como a comida dos outros dias; era O jantar de Natal. Tudo isso era tão gostoso… meu Deus como era delicioso vestir a roupa nova e ir para ceia! Lembro que nesses dias, todo mundo parecia tão feliz e animado, afinal, uma nova era estava próxima, o papai Noel estava finalmente a caminho trazendo consigo um ano novinho para ser estreado, assim como os meus novos presentes! E nada em todo o universo poderia ser mais empolgante do que isso!

E por muito tempo fui assim, a louca apaixonada por Natal.

Mas é engraçado como as coisas se transformam quando a gente cresce. E como tudo aquilo que amávamos deixa sempre aquele gostinho salgado de saudade. A verdade sobre isso tudo é que comida é sempre comida. Talvez mais saborosa do que a de ontem, ou com mais opções, mas ainda assim, tanto a comida de ontem como a de hoje existem pelo mesmo motivo: manter nosso corpo funcionando.

A outra questão é que assim como a comida, presentes também são só presentes. E apesar de ser incrivelmente delicioso recebê-los (e dá-los), hoje eu percebo que eles também não representam o verdadeiro motivo pelo qual eu era assim tão encantada pelo Natal.

Quando pequena pensava que era o a comida e os presentes que faziam do Natal uma data assim tão prazerosa. Mas a grande verdade é que não era nada disso, ou pelo menos, não somente isso. Essas coisas eram apenas adornos para que a festa de Natal se realizasse de maneira mais saborosa. A questão é que o que fazia do Natal uma data assim tão deliciosa, era exatamente tudo-o-que-não-eram-coisas. Eram todas aquelas pessoas tão queridas que estavam a nossa volta. O abraço da tia, o cheirinho da avó… Tudo isso sim é que era um pedacinho do paraíso, e, infelizmente, alguns desses pedacinhos já não podem mais estar presentes nesse Natal. Presentes… Essa sim é que é a verdadeira ironia da vida; o presente não é aquilo que vem dentro da caixinha, aquilo que a gente compra com o cartão de crédito. O presente é simplesmente o presente. Quero dizer, o momento presente. Aquele delicioso tiquinho de tempo em que estamos na companhia de todos aqueles que amamos. Isso sim, minha cara leitora, é o que eu chamo de verdadeiro presente. E não é presente de qualquer um não; é presente do ser mais perfeito e indescritível de todo o universo; é presente de Deus.

Uhlala18DeDez4

Uhlala18DeDez5

Uhlala18DeDez6

Uhlala18DeDez3

Uhlala18DeDez1

Uhlala18DeDez8

Uhlala18DeDez7

O post na verdade não era para ser sobre isso, mas sim sobre a decoração de Natal aqui de casa. Mas aí a inspiração acabou surgindo e de repente… tcharam, surgiu um texto. Se você leu até aqui, aqui vai meu mais sincero muito obrigada! Obrigada pela leitura dos meus textos (tões… porque não sou de escrever pouco haha), e obrigada por ter me acompanhado por aqui nesse ano de 2014 <3 Que Deus ilumine minha vida e a sua para que 2015 também seja um ano muito abençoado e cheio de momentos bons! Não; esse não é o último post do ano, só estou meio inspirada hoje haha

Muitos beijos,

e fim!

Acompanhe o blog nas redes socias:

Instagram Facebook Twitter Youtube

Se inscreva no canal do blog Uhlala =)

14nov

Com qual cabelo eu vou?!

ComQualCabeloEuVou2

Olá meniiiinas! <3 Tudo bem por aí?

O post de hoje é basicamente um pedido de ajuda… Nesse final de semana tenho um casamento para ir e vou ser madrinha pela primeira vez na vida! Ihuuuuul! haha Estou super empolgada e curiosa e mau posso esperar! Entretanto, estou super em dúvida sobre o que usar no cabelo, preciso de um super help!

Antes de mostrar algumas da opções selecionadas já adianto: detesto laquê, deixo passar só um pouquinho para não deixar o cabelo com aquele aspecto duro horroroso… Ah, e também não gosto muito (em mim) daqueles penteados que puxam todo o cabelo pra trás… não que eu odeie rabo alto, até gosto, só não curto muito isso nessas ocasiões… pelo menos não ultimamente.

Foi então que eu pensei em fazer algum tipo de trança (só pra variar né haha). Sério gente, sempre que preciso fazer algum penteado para alguma comemoração desse tipo só consigo pensar em tranças! Amo fazer tranças! Aliás, quando eu tinha o cabelo mais logo eu viva eternamente com uma trancinha de lado. Aí quando cortei os cabelos na altura do queixo, não dava mais para fazer a bendita no meu cabelo =/ e acabei parando um pouco com elas… Mas agora que meu cabelo já cresceu bastante já dá pra voltar a fazer trancinhas! Adoro!

Considerando tudo isso aí de cima separei as seguintes referências:

uhlala-14-de-nov-7

uhlala-14-de-nov-5

uhlala-14-d-enov-6

Achei bem legal esse penteado da Paris Hilton! É um forte concorrente! haha

uhlala-14-de-nov-2

E esse rabo alto + topete + trança lateral ficou muito fofo! Porém como tenho pouco cabelo e pouco volume acredito que ele acabaria ficando meio murcho talvez… Meio murcho tipo esse (que apesar de tudo ainda está bonito né, mas talvez eu não goste muito em mim; não sei):

uhlala-14-de-nov-9

uhlala-14-de-nov

Também gostei bastante desse!

uhlala-14-de-nov-3

E desse da Jéssica Alba gostei mais ainda! Haha Ôôô indecisão viu, tá loco… haha

E aqui vai uma fotinho de como fica a parte da frente desse último penteado:

uhlala-14-de-nov-8

E aí, o que acharam dos cabelinhos? Estou aberta (implorando haha) sugestões por aqui!

Deixem nos comentários qual o favorito de vocês!

Muitos beijos,

e fim!

Acompanhe o blog nas redes socias:

Instagram Facebook Twitter Youtube

Se inscreva no canal do blog Uhlala =)