04fev

Resenha do livro “A menina que roubava livros”

ResenhasCapaNovaa-menina-que-roubava-livros-8NOVAOlá meninas!

Hoje vim trazer pra vocês mais uma resenha. Dessa vez é do livro A menina que roubava livros, de Markus Zusak.a-menina-que-roubava-livros-1NOVAO livro se passa entre os anos de 1939 e 1943 na Alemanha e conta a história de Liesel Meminger, uma garotinha alemã que encontrou a morte três vezes e conseguiu escapar dela com vida. Aliás, o livro já começa de maneira diferente pois ele é narrado por ninguém mais ninguém menos que a morte. Pouco tempo após ver seu irmão morrer nos braços da mãe, ela foi deixada na casa de Rosa e Hans Huberman, um casal muito pobre porém muito amável que viria a amar Liesel como uma verdadeira filha. Ao chegar a casa dos pais adotivos Liesel trazia consigo seu primeiro livro roubado, O manual do coveiro, o qual roubara sem nem ao menos saber ler. Aos poucos com ajuda do pai de criação, um homem muito gentil e carinhoso, Liesel começa a aprender a ler e passa a querer sempre novos livros para explorar esse novo mundo. O roubo dos livros passam a dar a vida de Liesel um propósito enquanto a Alemanha é diariamente destruída pela guerra. Esses livros, seu papai (como ela o chama), o amigo Rudy e Max Vandenburg são o que norteiam a vida da garota e mantém sua sanidade durante um período tão difícil como a guerra alemã.a-menina-que-roubava-livros-3NOVAa-menina-que-roubava-livros-2NOVAPara mim, foi com certeza um dos livros com os nomes mais difíceis que já li haha. Como o livro se passa na Alemanha e foi escrito por um Australiano, os nomes das pessoas são muito estranhos e não contribuem muito para uma fácil lembrança do leitor. Por isso, se você é daquele tipo de pessoa que lê um capítulo hoje e vai ler o próximo só na próxima semana, talvez esse livro não seja uma boa escolha. Apesar disso, gostei muito de ler, foi bem tranquilo e não fiquei louca desesperada para terminar a leitura. Apesar de se passar na Alemanha nazista, a história é muito cativante e o autor consegue com sucesso transmitir através das páginas a relação sincera e afetuosa existente entre pai e filha. Isso foi o que mais gostei no livro sabe, pois pra mim, o mundo moderno acabou prejudicando muito a relação entre pais e filhos, entre as pessoas em geral. Por exemplo, na hora da janta que seria um momento de confraternização familiar, o que as pessoas fazem? Comem assistindo TV, ninguém fala nada, ninguém se relaciona. Muitos momentos em que poderíamos estar conversando coisas legais com os pais e irmãos e família em geral são desperdiçados no Instagram, Facebook ou Whatsapp, o que é realmente muito triste.  Por isso, para mim, uma das coisas mais lindas do livro foram esses momentos de Liesel com Hans, e até senti uma pontadinha de inveja da garota que viveu em um tempo em que as pessoas conversavam mais e passavam mais tempo juntas. Infelizmente o livro não tem um final tão doce assim. Provavelmente porque se passa na Alemanha nazista e o autor queria mostrar o quão devastador foi viver nessa época. E conseguiu. Na minha opinião foi até cruel demais. Chega de spoilers Marcelaaa! Outra coisa que reparei foi com relação a diagramação do livro. Sua página é bem grande e as letras pequenas o que faz com que o livro de 478 páginas pareça gigantesco sendo que nem é tão grande assim. Enfim, recomendo a leitura, mas preparem-se, é pra chorar mesmo.  a-menina-que-roubava-livros-6NOVAEssa é a intérprete da Liesel no filme:a-menina-que-roubava-livros-4NOVAa-menina-que-roubava-livros-7NOVAa-menina-que-rouva-livros-5NOVA

E fim!

Beijos beijos!

Acompanhe o blog nas redes socias:

Instagram Facebook Twitter Youtube

Se inscreva no canal do blog Uhlala =)

Deixe seu comentário

Comentários

5 comentários

  1. Andressa Ortega

    Adorei! Ótima dica Má, vou comprar já!!! Beijos

    Responder
    1. bloguhlala respondeu Andressa Ortega

      Obrigada Andressa, compre sim, o cara escreve muito bem!

      Responder
  2. fernandamiguel

    adorei, e quero tentar ler antes de assistir o filme. As pessoas falam muito desse livro, boa dica. Beeeeijos !

    Responder
    1. bloguhlala respondeu fernandamiguel

      Muito obrigada Fernanda! Leia sim, apesar de ser triste vale a pena, super recomendo! Beijos

      Responder